34ª Feira do Livro de Caxias do Sul encerra com crescimento de 7,65% nas vendas


Os caxienses se despediram neste domingo (14/10) da 34ª edição da Feira do Livro de Caxias do Sul. O clima ameno e os atrativos culturais, artísticos e gastronômicos colaboraram para a escolha do público pela Praça Dante Alighieri nesses últimos 17 dias de evento. A boa interação da população com o maior evento literário da Serra Gaúcha se reflete nos números. Com o encerramento das atividades, essa edição somou 61.549 livros comercializados, segundo a organização da Feira. Um número 7,65% maior que o registrado no ano passado, que finalizou com 57.172 exemplares vendidos. O público também aumentou. Passou de aproximadamente 230 mil visitantes em 2017 para cerca de 250 mil neste ano.

Se depender da arquiteta Melissa Gabriele Mello, 38 anos, e da pequena Helena Mello Giacomet, de três anos, a família manterá a tradição de visitar a Feira todos os anos.

“Minha mãe me acostumou desde pequeninha a ter essa proximidade com a Literatura e sempre me trazia. Hoje, tento passar esse mesmo gosto pra minha filha”, comenta Melissa, que garante já estar dando resultado.

Isso porque, em uma rápida volta pelas bancas, Helena se encantou pelas histórias da Dora Aventureira e ganhou o livro de presente.

Para o editor Gustavo Guertler, 39, que completa 12 anos de participação em feiras do livro, essa edição trouxe boas novidades e um clima favorável, que colaboraram para o movimento.

“Achei muito boa a nova disposição das bancas, que deixou o ambiente mais arejado e facilitou muito o fluxo de pessoas e também qualificou as experiências das mesmas em relação ao evento. Isso reforça a ideia de que a Feira é um ponto de encontro e não apenas de comercialização”, opina.

O livro mais vendido nesta edição da Feira, dentro da categoria Literatura Adulta, foi “A sutil arte de ligar o foda-se”, de Mark Manson, seguido pelo “Guia de Sobrevivência do Gaúcho”, de Luis Augusto Fisher, e “Poesia que transforma”, de Bráulio Bessa. Já na categoria Infantojuvenil, quem ganhou destaque nas vendas foi “Lendas brasileiras” e "Folclore brasileiro”, ambos de Maurício de Sousa, além de “Diário de um banana”, de Jeff Kinney. Outros títulos como bíblias, evangelhos segundo o espiritismo, mangás e livros de youtubers também foram amplamente procurados.

A diretora do Departamento do Livro e da Leitura, Maria Cristina Tiburi Pisoni, comemorou o sucesso de mais uma edição da Feira e defende a literatura como mobilizadora social.

“Cada vez mais percebemos a necessidade de uma literatura que nos tire da zona de conforto, que nos faça sair do lugar comum, que nos desperte a criatividade e a inteligência…Enfim, uma literatura que nos abra a possibilidade de ampliar nosso modo de ver o mundo”, pontua.

A programação do último dia contou com sessões de autógrafos, contações de histórias e bate-papo com o escritor Vinícius Ergang Streda, que falou sobre literatura e inclusão. O público leitor também pôde prestigiar a apresentação da Banda do Instituto Estadual de Educação Cristóvão de Mendoza, além dos foodtrucks que integraram o Festival de Churros na rua Dr. Montaury, em frente a Casa da Cultura.

A solenidade de encerramento reuniu diversas autoridades junto ao palco central da Feira do Livro, como o prefeito Daniel Guerra e a primeira-dama do Município, Andrea Marchetto Guerra. Após a cerimônia, a cantora Tatiéli Bueno e o pianista Éder Bergozza ocuparam o espaço com a apresentação do espetáculo “Universo Feminino”, que encerrou a programação artística desta edição da festa literária.

Lista dos mais vendidos

Literatura adulta

1º - “A sutil arte de ligar o foda-se”, de Mark Manson

2º - “Guia de sobrevivência do gaúcho”, de Luis Augusto Fischer

3º - “Poesia que nos transforma”, de Bráulio Bessa

4º - “Uma fresta no sótão”, de Lisana Bertussi

5º - “Uma breve história da humanidade”, de Yuval Noah Harari

Literatura infantojuvenil

1º - “Lendas brasileiras”, de Maurício de Sousa

2º - “Folclore brasileiro”, de Maurício de Sousa

3º - “Diário de um banana”, de Jeff Kinney

4º - “Poup Ups”, de diversos autores

5º - “O Pequeno Príncipe”, de Antoine de Saint-Exupéry

Outros títulos

- Bíblias

- O Evangelho Segundo o Espiritismo

- O Livro dos Espíritos

- Mangás

- Livros de Youtubers

Assessoria de Imprensa - SMC